Rio apresenta candidatura para sediar a final da Libertadores em 2020
25/01/2019 18:04 em Esporte

Antes da cerimônia de sorteio da Copa América na última quinta-feira (24), o governador do estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, entregou ao presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, a oficialização da candidatura do Marcanã para sediar a final da Copa Libertadores em 2020.

"Trouxe o requerimento, junto com o nosso secretário de Turismo, para sediar a final da Libertadores em 2020, quando o Maracanã vai comemorar 70 anos. O Rio de Janeiro precisa desses eventos, porque é o que traz o turismo, riqueza, emprego, oportunidade e, por isso, estou muito feliz de estar participando desse sorteio", disse o governador fluminense.

A partir deste ano a Libertadores terá sua final realizada em jogo único e campo neutro. Para esta primeira edição, a cidade de Santiago, no Chile, foi escolhida como sede e o jogo será realizado no estádio Nacional, no dia 23 de novembro.

O Maracanã já recebeu três partidas da decisão do campeonato sul-americano. Em 1963, o Santos enfrentou o Boca Juniors na primeira partida da decisão que levaria o alvinegro praiano ao bicampeonato do torneio. Em 1981, Flamengo e Cobreloa realizaram o primeiro da série de três jogos, que levaria o rubro-negro ao título. Em 2008, a segunda partida da final entre Fluminense e LDU foi jogada no Rio de Janeiro, com os equatorianos se sagrando campeões nos pênaltis.
 
Fonte: Destak Jornal
Foto: Divulgação

 

 
COMENTÁRIOS