Goleiro boliviano brilha e seleção brasileira empata em La Paz
05/10/2017 - 20h54 em Esporte

Em seu último teste fora de casa nas Eliminatórias Sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018, a já classificada seleção brasileira criou diversas chances e poderia ter goleado a Bolívia pelas Eliminatórias Sul-americanas, no estádio Hernando Siles, na noite desta quinta-feira. Mas, na altitude de 3.800 metros de La Paz, um atleta local brilhou mais que NeymarGabriel Jesus e companhia: o goleiro Carlos Lampe, que fez uma série de defesas difíceis e garantiu o empate em 0 a 0.

Apesar de ter dominado completamente a partida, o Brasil não conseguiu encerrar um incômodo jejum na casa do adversário: a última vitoria da seleção na Bolívia em Eliminatórias aconteceu há 32 anos, 2 a 0 – e ocorreu em Santa Cruz de La Sierra, sem efeitos da altitude, em 1985. De qualquer forma, a equipe do técnico Tite não levou sustos e passou em mais um teste interessante, a oito meses do início Mundial na Rússia.

 

O técnico Tite promoveu um teste que durou menos de 30 minutos: Thiago Silva deixou o campo com uma lesão na coxa e deu lugar ao antigo titular, Marquinhos. O experiente defensor do PSG será examinado e é dúvida para a última partida da competição, na próxima terça-feira, diante do Chile, no Allianz Parque, em São Paulo. Primeira seleção a se classificar para a Copa e já garantido como campeão das Eliminatórias, o Brasil foi a 38 pontos. A Bolívia, que já iniciou a partida eliminada, foi a 14 pontos.

 

Conteúdo Placar

Foto: Pedro Martins/MoWa Press

 

COMENTÁRIOS